.mais sobre mim

.Calendário

.posts recentes

. Estranho

. Sou tão inconstante!

. Alicia Keys - No One

. Tomar decisões e fazer es...

. I Kissed a Girl

. If I were a boy

. Alguem soy yo

. Confusão

. "Confusão Sentimental..."

. Reviver

.links

.arquivos

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Maio 2009

. Fevereiro 2008

. Outubro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

.pesquisar

 

.Rádio

.As minhas visitas

.tags

. todas as tags

Sábado, 13 de Janeiro de 2007

O que aprendi sobre mim

 

Tenho 3 regras e uma delas é viver a vida como se fosse o último dia, porque eu sei que um dia vou acertar.
As outras foram-me ensinadas: mais vale arrepender-me do que fiz do que do que não fiz e tratar os outros como quero ser tratada. É a melhor maneira de ser respeitada.
Estas máximas fazem-me pensar no que faço e como ajo e dão-me um motivo para dar o melhor de mim...
Até hoje, todas as pessoas que passaram na minha vida deixaram sempre algo de importante comigo: uma lição de vida.
Aprendi a olhar com olhos de ver e vi que nem tudo o que pareçe é. Aprendi a olhar para dentro de mim e aprendi que a vida é como eu a vejo e eu vejo que não há nada completamente mau nem completamente bom. Se as coisas acontecemm é porque tinham de acontecer. Aprendi a aceitar os outros com os seus defeitos porque eu também não sou perfeita e cada um é como é. Aprendi a olhar em frente, que o presente e o futuro não está no passado e eu só tenho o hoje. Aprendi que é bom ter alguém com quem passar os momentos importantes e que precisamos dos outros para quase tudo. Aprendi que temos que respeitar o espaço do outro e que quando ajudamos quem melhor fica somos nós. Aprendi a pensar antes de falar e pensar naquilo que digo. Aprendi que a realidade é dura mas eu posso-a mudar. Que não devo ter medo de dizer aquilo que penso e que os outros vão julgar-me de qualquer maneira. Que todos são diferentes e que cada um tem de ir buscar a inspiração a si. Aprendi que ninguém gosta de ser julgado mas que todos julgam. Que o único juíz e carrasco é a nossa consciência.
Aprendi que até o amor sufoca e tudo tem uma medida certa. Que não devemos desistir daquilo que queremos mesmo que ninguém acredite em nós porque um sonho dá sentido à vida. Aprendi que recebemos aquilo que damos.
Aprendi muita coisa com as exeriências pelas quais passei, mas também já reparei que nem sempre ajo da melhor maneria e que às vezes não penso naquilo que digo e faço.

Sou imperfeita, mas sou o melhor daquilo que posso oferecer.

Sou aquilo que vejo,
Aquilo que me toca a alma,
Aquilo que aprendi,
Aquilo que os outros fizeram de mim
E isto incluí-te a ti...

tags:
Cláudia às 18:25
| comenta | favorito