.mais sobre mim

.posts recentes

. Estranho

. Sou tão inconstante!

. Alicia Keys - No One

. Tomar decisões e fazer es...

. I Kissed a Girl

. If I were a boy

. Alguem soy yo

. Confusão

. "Confusão Sentimental..."

. Reviver

.links

.arquivos

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Maio 2009

. Fevereiro 2008

. Outubro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

.pesquisar

 

.tags

. todas as tags

Sexta-feira, 13 de Outubro de 2006

Laço


                                               

Meu Deus!!! Como é engraçado!...
Nunca tinha reparado como é curioso um laço...
Um fita dando voltas que se enrosca...
Está dado o laço.
Assim como um abraço:
Coração com coração.
Tudo isso cercado de muito braço.
É assim que é o laço:
Um abraço no presente...
No cabelo...
No vestido...
Em qualquer coisa que faço.
E quando puxo uma ponta,
O que é que acontece?
Vai escorregando... devagarzinho... Desmancha... desfaz o abraço.
Solta o presente, o cabelo...
E na fita que curioso,
Não faltou nenhum pedaço.
Ah! Então é assim o amor, a amizade.
Tudo o que é sentimento?
Como um pedaço de fita?
Enrosca, segura um pouquinho,
Mas pode desfazer a qualquer hora, Deixando livre as duas pontas do laço.
Por isso é que se diz: Laço afetivo, laço de amizade...
E quando alguém briga, então se diz: Romperam-se os laços...
Assim é o amor... Não prende, não escraviza,
Não aperta, não sufoca.
Porque quando vira nó, já deixou de ser laço.

sinto-me: assim assim
Cláudia às 11:31
| comenta | favorito